terça-feira, setembro 27

Rolos de Torah mudam novamente de lugar

• Os rolos de Torah evacuados de Nova Orleans para Baton Rouge, foram novamente movidos para outra área segura devido ao Rita. Os rolos estava sendo mantidos na sinagoga Beth Shalom, cujo teto foi destruído e o interior inundado, mas os rolos não foram danificados. Outra sinagoga inundada foi a Congregation Gates of Prayer em Metairie (Luisiania). Dois rabinos de Nova Orleans estão planejando os serviços religiosos de Rosh Hashaná e Yom Kippur em Baton Rouge e Houston, para os evacuados. A próxima Macabíada da América do Norte que ia ser disputada no próximo verão em quatro cidades, Phoenix; Stamford, Vancouver e New Orleans irá mudar de endereço, pois NO não vai poder ser utilizada.

• Shen’or Zalman Hatzkolevitch, um judeu ortodoxo do Brooklyn (NY), foi preso em Israel sob a acusação de planejar assassinar o primeiro ministro Ariel Sharon. A polícia diz que planeja deportá-lo para os EUA, o que seria o primeiro caso de um judeu deportado de Israel por violações de segurança.

• Um relatório da Comissão Européia sobre o recrutamento de terroristas acusa a mídia de retratar os terroristas como "oprimidos". Algumas mídias disseminam propaganda que contribui para a radicalização violenta, declara o relatório. A mídia mais citada é a Al-Manar, do Hizballah no Líbano.

• Cerca de 52 mil testemunhos sobre o Shoa (Holocausto) gravados pela fundação Spielberg serão tranferidos para a University of Southern California. A coleção é o maior arquivo audio-visual do mundo e na USC terá mais facilidade para acesso e consulta

• Entre os presos na pequena manifestação anti-guerra defronte à Casa Branca estava o rabino Arthur Waskow do Shalom Center da Philadelphia. O rabino foi preso usando um talit.

• Arcadi Gaydamak, um líder da comunidade judaica russa, doou 500 mil dólares para um hospital infantil, para melhorar as condições de vida das crianças árabes em Jerusalém Oriental e para imigrantes da Etiópia.