segunda-feira, março 6

HAMAS ANULA DECISÕES DA OLP - MUITO IMPORTANTE

Às 16:30h (Brasil), a agência de notícias IRNA do Irã divulgou uma nota onde diz que o conselho legislativo (parlamento) palestino anulou TODAS AS DECISÕES de cunho político tomadas, passadas e aprovadas pelo parlamento anterior cuja maioria era da Fatah/OLP. Foram 80 votos a favor entre os 132 votantes. Os parlamentares ligados à Fatah abandonaram a seção em protesto à anulação das decisões anteriores.

É por isso que está muito complicado comentar e tentar traçar qualquer cenário para a situação da região. Posições e discursos mudam ao longo do dia e decisões alucinadas como esta simplesmente acontecem. É bom que todos os que defendem uma democracia irrestrita percebam como a democracia pode ser utilizada para legitimar a teocracia e a ditadura!

Estamos vendo um golpe! Um golpe contra a paz! Um golpe contra 10 anos de negociações com a OLP de Arafat. Daqui, neste momento é impossível saber o que foi realmente anulado e qual é a profundidade dessa anulação. Mas não se espante se ao ler o jornal amanhã, você acorde com todos os acordos feitos entre Israel e os palestinos anulados unilateralmente pelo Hamas, inclusive (esperamos que isso não ocorra), com a anulação do reconhecimento do Estado de Israel pelos palestinos e a remoção da destruição necessária de Israel da Carta da OLP.

O porta-voz do parlamento palestino, Aziz Duweik (Hamas), disse que a Fatah deve "respeitar o desejo do povo palestino que elegeu o Hamas". Se faltava alguma gota para entornar o caldeirão, ela já pingou.

judeu